Todas as matérias: Ana Roxo

Captura de Tela 2017-01-13 às 23.52.12

Mania de privatizar

Importante que a gente se conscientize de que o que é público é nosso. É muito entreguista você dar por pressuposto de que o estado é incompetente sem tentar tornar o estado competente. Se apropriar dos mecanismos de deixar esse estado competente.

captura-de-tela-2017-01-05-as-17-24-36

Discurso de ódio mata

Essa chacina é um feminicídio. É um ataque expresso contra mulheres. Ataque expresso às mulheres que esse discurso conservador, que esse pensamento retrógrado, conservador e machista não aprova. Mas como o machismo é arraigado na sociedade, uma coisa entranhada, difícil de perceber a gente não encara esse cara com um terrorista.

captura-de-tela-2016-12-28-as-19-09-00

Souvenires 2016

O primeiro souvenir é confetinho tchau querida, um papelzinho brilhante e vergonhoso recolhido no vexame do impeachment. Ele acompanha um 'botom' pela minha família e pelo aniversário da minha neta Marina.

captura-de-tela-2016-12-16-as-15-29-43

Perguntas de uma trabalhadora que lê

Menos Odebrecht, mais odes a Brecht: quem construiu Brasília? Nos livros está o nome do presidente Levantou ele o concreto armado?

captura-de-tela-2016-12-08-as-17-35-38

Tucanaram a mentira. O nome agora é pós-verdade.

A pós-verdade serve à indústria da ignorância e está fazendo com que decisões importantes sejam calcadas em boataria. É pós-verdade quando a gente acha que tem um judiciário justo. Apesar do Moro aparecer rindo com o Aécio e com o Serra, que são pessoas que ele deveria estar julgando.

captura-de-tela-2016-11-30-as-15-54-02

Ana Roxo: o ódio venceu

Você precisa odiar o Fidel por que ele é de esquerda e comunista, então você é a favor dos Direitos Humanos, mas você precisa odiar o Lula, por que ele é de esquerda e ele é comunista, aí você é contra os Direitos Humanos.

captura-de-tela-2016-11-23-as-22-56-22

Direitos humanos pra humanos. Ponto.

A raiva não pode ser institucionalizada. Você não pode querer uma polícia raivosa, nem uma justiça raivosa, nem uma esquerda raivosa, nem uma direita raivosa.