junho 25, 2018
América Latina

Vem aí o mais completo retrato de Chávez, escrito por Ignácio Ramonet

“Chávez: minha primeira vida” é uma apaixonante reconstrução da vida de Hugo Chávez e sua atuação como presidente da Venezuela dez anos após sua ascensão ao poder. O livro foi conduzido e escrito a partir de quatro longas entrevistas feitas pelo jornalista e professor franco-espanhol Ignacio Ramonet.
Poucos personagens da história recente tiveram um impacto tão decisivo quanto Hugo Rafael Chávez Frías (1954-2013). Eleito presidente da Venezuela em 1999, sua mensagem e o exemplo das conquistas da Revolução Bolivariana despertaram toda a América Latina. A incapacidade da classe política tradicional para canalizar a revolta da “underdog” abriu o caminho para novos líderes, como Lula e Dilma no Brasil, Evo Morales na Bolívia, Rafael Correa no Equador, Néstor Kirchner e Cristina Fernández na Argentina, Tabaré Vázquez e PepeMujica no Uruguai, e muitos outros.
Mas o primeiro foi Chávez. Neste livro revelador, fruto de cinco anos de trabalho e mais de duas centenas de horas de conversas com Chávez, Ignacio Ramonet consegue retratar o líder venezuelano através de suas próprias palavras.

Quem era Chávez antes de se tornar uma personalidade pública universalmente conhecida? Como foi sua infância? Como foi formado? Quando você começou a política? Quais foram suas leituras? Quais influências você recebeu? Qual foi a sua visão geopolítica? Qual corrente ideológica foi reivindicada por ele?
Estas memórias dialogadas são uma obra de inegável valor para qualquer um que queira entender o início do século XXI na América Latina e história do mundo.
Traduzido por Eric Nepomuceno e prefaciado por Marco Aurélio Garcia, ex-assessor Internacional do presidente Lula, “Chávez: minha primeira vida” será lançado no Brasil em maio pela Geração Editorial, com a presença do autor.
https://www.nocaute.blog.br/2018/04/13/fernando-morais-prisao-lula/

Notícias relacionadas

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: