Zé Dirceu: a hora é de unidade, de resistência e de luta política.

O ex-ministro propõe que a campanha para garantir o direito de Lula disputar as eleições deve ser feita nas ruas, no boca a boca. Ele também pede a união dos partidos de esquerda.

Bom dia meus amigos e minhas amigas do Nocaute.

É a hora da resistência, da luta política, da vontade de lutar e da ação. É a hora da unidade, é preciso reunir os candidatos a presidente da esquerda, os democratas, os progressistas, os nacionalistas, a frente Brasil Popular, o PDT, o PSB, PCdoB, o PSOL, o PT, as grandes lideranças, Aldo Rebelo, Boulos, Lula, Ciro, Manuela. As lideranças também do meio intelectual artístico, dos movimentos sociais, todos em defesa da democracia. Não é em defesa de Lula candidato, é do direito inalienável de Lula ser candidato, porque essa é a vontade do povo, e esse é um preceito básico da democracia.

Tirar Lula da eleição não resolve nada, porque ele continuará sendo fiador, o grande eleitor da eleição, e com unidade, seguramente venceremos. Essa é uma verdade que a direita e os golpistas sabem, por isso que temos que nos unir, inclusive para defender a eleição e evitar a fraude, porque já sabemos que eles são capazes de tudo, e acabaram de demonstrar essa verdade ao tornar Lula inelegível. Vamos batalhar até o última instância, com todos os meios e recursos jurídicos para manter Lula candidato, porque repito, esta é a vontade do povo.

Os golpistas de 1964 sempre perderam as eleições, perderam em 1966, em 1974 e perderiam de lavada em 1978 se não fosse o Pacote de Abril. Sempre através da fraude e da força, mantiveram o poder. Mas a ditadura caiu, como cairá o governo golpista de Temer e toda essa aliança de rentistas, grandes bancos, a direita, os tucanos, que usurparam o poder e agora tentam mante-lo pela força, mesmo a força da injustiça.

A hora é de ir para às ruas, não com uma greve geral ou com grandes comícios, é hora de ir ao povo, conversar com o povo, organizar o povo, mobilizar o povo. Dia 19, quando vamos comemorar mais um aniversário de PT, é hora de toda nossa militância, todos nossos filiados e amigos irem para às ruas, para os bairros, visitar de casa em casa. Vamos organizar comitês do povo com os trabalhadores, não apenas comitês de nossos militantes, nossos amigos, mas fazer com que o eleitor do Lula, o lulista, organize o comitê em defesa de Lula e da democracia. Vamos às fábricas todos os dias, não só no dia de combate, ou no dia de uma greve geral, vamos todos os dias.

Sem o povo, sem organizar o povo, podemos até vencer as eleições, mas como vamos governar com este Congresso, com esse Judiciário, sem uma reforma política, uma reforma do estado? Sem uma profunda reforma tributária? Sem atingir os rentistas, a propriedade, a riqueza, a renda do 1% que concentra a maior parte da renda do país? Sem democratizar o estado? Os meios de comunicação? Sem pôr fim a esse estado de exceção que o aparelho policial e judicial impôs ao país, dando cobertura aos golpistas? Só a força do povo organizado pode nos garantir a vitória em 2018 e o governo.

Seremos sempre a força determinante do país, porque estamos com a consciência nacional, com o fio da história. Estamos com a maioria dos brasileiros e brasileiras que querem uma ampla e radical mudança na vida política, social e econômica de nosso país. Por isso vamos à luta com Lula, pela democracia, mas antes de mais nada, por uma mudança radical do Brasil.

25 Comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do NOCAUTE. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Vicente Jouclas

01/02/2018 - 11h20

Obrigado poeta Dirceu! é isso aí! a tal esquerda é quase todos nós; juntos e misturados.

Responder

Rosimar Gonçalves

31/01/2018 - 21h07

A questão de uma “unidade de esquerda” é que ela só funciona na campanha, pois depois de eleito o PT faz uma frente histórica, em nome da governabilidade, com a direita e, isso siguinifica não romper com este Estado Capitalista rentista, não romper com as regalias da elite que tem o Estado totalmente aparelhado desde sempre, nunca compartilhar honestamente com a população o que acontece e preferir sempre fazer os acordos nos bastidores, nos gabinetes.
Prefere ficar anos e anos sem fortalecer a classe trabalhadora politicamente, enfraquecendo a todos, deixando acreditar que se tornar um consumidor é o GRANDE OBJETIVO PARA O PAÍS. Fazer uma grande frente contra um inimigo comum só para ganhar a eleição e depois se aliar ao inimigo é um filme que eu não quero ver nunca mais.

Responder

Fernando

31/01/2018 - 06h37

Vagabundo ladrao, tem que apodrecer na cadeia. Corruptos delinquentes!!

Responder

    Laercio Pires

    09/02/2018 - 10h58

    Não, Fernando, esse discurso de ódio não vai trazer melhoras para o Brasil e para o povo. Você tem que argumentar racionalmente. Explique em palavras o que pensa, sem xingar ou falar palavrão; isso que você faz depõe contra você.
    Se informe bem antes de falar qualquer coisa. Não fique repetindo frases como se você fosse um papagaio.
    Se você dizer coisas inteligentes e de forma calma, certamente será ouvido e suas palavras servirão de reflexão para outras pessoas.
    Não se baseie na mídia (tv, rádio, revista ou jornal). Leia livros, conheça a História do Brasil e do Mundo, converse com pessoas inteligentes, volte a estudar; acho que está precisando.
    Boa sorte Fernando

Pai Zeca PT

31/01/2018 - 00h00

E HORA DE ORGANIZAÇÃO TEM FALADO E VERDADE TEM FALADO POVO VAMOS MOBILIZAR TEM MOBILIZAÇÃO FALAR DAS CONQUISTAS FALAR POVO CONQUISTOU VAMOS LA BOA LUTA CADA UM CADA UMA BOA BÊNÇÃO hoje todos nos caminhos e fortalecer.

Responder

Carlos Alberto Gabriel

30/01/2018 - 19h29

Companheiros não é hora de falar de erros até porque se tivéssemos acertado em tudo o empresariado iria da o golpe de qualquer forma agora vamos mostrar unidade nesse momento difícil Zé estamos aí na luta

Responder

Resposta a Zé Dirceu: sobre unidade, resistência e luta política em tempos de golpe – Esquerda Online

30/01/2018 - 19h23

[…] O site Nocaute divulgou um vídeo/texto com Zé Dirceu, principal cabeça pensante do PT. Dirceu afirma a necessidade de uma grande frente única para defender a democracia e o direito de Lula ser candidato a presidente. Para o ex-dirigente petista, o papel principal da militância do PT deve ser a mobilização do povo brasileiro para garantir a eleição de Lula e depois seu governo. […]

Responder

JEANDULY MENDES

30/01/2018 - 15h27

Valeu zé! Vamos para rua sim estamos com bc sempre guerreiro.

Responder

Paulo

30/01/2018 - 09h05

Um condenado defendendo outro.

Responder

Ana Maria Campos Freitas

29/01/2018 - 22h41

Grande Zé Dirceu! Concordo plenamente com o exposto. Estamos atrasados e demonstrar a força do povo! Precisamos nos organizar e pôr o bloco na rua! Já abri minha casa para formar um comitê. Por enquanto é o único na cidade. Não é hora de assumir culpas e erros. Lula fez o que tinha que ser feito. Conversou e fez acordos. Como governar com a maioria de oposição?Seria impossível! Cedeu em alguns pontos para ganhar governabilidade.
Agora é hora de arregaçar as mangas e conversar com as pessoas menos informadas. Precisamos levar material com tudo que o PT fez…e mostrar pq Lula precisa ser candidato! Vamos a luta?

Responder

    Vicente Jouclas

    01/02/2018 - 11h28

    Isso aí, Ana Maria! A gente faz o que pode e na hora da vida. Valeu!

Inaldo martins

29/01/2018 - 21h31

Assim de supetão? Qual é o programa político alternativo? Formar comitês para se criar o quê? Sinceramente, seja mais objetivo!

Responder

Ricardo

29/01/2018 - 20h33

Porquê antes de ir ao povo pedir novo voto de confiança o PT não admite os erros !? Não é vergonha ou desonra admitir que a política de alianças com o PMDB, com os grandes bancos e empresários; o loteamento das empresas públicas e o caixa 2, 3, 4 foram realidades de práticas, que o Partido adotou de forma equivocada. Tal fato colocou o Partido dos Trabalhadores no mesmo patamar dos antigos e primários corruptos da República. É difícil agora ou dificílimo salvar o Lula e o PT e a reboque, toda reputação da esquerda. Faria muito bem ao país o Lula apontar os beneficiários do butim, os rentistas e empresários, os grandes nomes, os juristas e ministros do STF, STJ que se locupretaram das benesses e facilidades que o PT proporcionou a todos, inclusive ao povão, a partir de um ambiente de prosperidade e sensação de progresso amplo. Aposto que um ato dessa Nobreza teria um efeito didático e moral muito grande e quebraria as pernas dos algozes que chibatam o Lula e tiraria do conforto os corruptos encastelados em suas zonas de conforto. Humildade e reconhecimento de erros ao invés de tocar fogo no País.

Responder

    LEOPOLDO

    30/01/2018 - 15h01

    Poderia ter lutado pelo seu povo, poderia ter lutado contra todos os poderosos que o Zé Dirceu agora cita. Mas preferiu se afastar do povo e se unir aos inimigos do povo. Teve tempo, apoio politico e das urnas, tinha caixa, nome, liderança e tudo mais que era preciso. Mas foi sugado por tudo que agora diz combater. Lula traiu seu povo, traiu aqueles que lhe confiaram o voto, elegeu o poste e não soube mante-lo em pé. Sua foto com Maluf na campanha é o resumo de tudo isso.

Leandro Boldech

29/01/2018 - 19h58

Engraçado o cara que foi o primeiro a liderar os “desvios” em nome da governabilidade de Lula fazer discursos como esse. Se Lula tiver mesmo comprometido com o Brasil tem que deixar alguns de seus “cumpanheiros” bem escondidos, afinal, muitos deles foram responsáveis pelo seu declínio.

Responder

C.Poivre

29/01/2018 - 17h51

Antes tarde do que nunca! Só acho que o PT deveria ter tido esta iniciativa desde pelo menos o golpe de 2016 como maior partido no espectro Esquerdista. Enquanto considerava, angelicalmente, que os golpistas admitiriam sua participação nas eleições deste ano, o PT só se concentrou nesta miragem caindo na real só depois que a continuação do golpe ficou evidente com a vergonhosa colaboração do TRF4, o quê já era esperado visto que a ditadura é midiático-judicial. O PCO já havia alertado para isso:

https://youtu.be/8eWs7h0f4fY

Responder

Edna Baker

29/01/2018 - 17h51

Sempre a postos Zé Dirceu. Um grande abraço.

Responder

jeronimo Collares

29/01/2018 - 17h40

…próximos passos da luta: FRENTE AMPLA em torno do Lula e a GREVE GERAL política contra golpe.
Não existe nada além disso.

Responder

Charles

29/01/2018 - 17h04

Messias Franca de Macedo
29/01/2018 – 17h02

BOMBA!

O Tretas da Bíblia &$ coleguinha do ‘mor(T)o’ &$ do DD absolutamente ‘DESmoroLIZADO’!

$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$

Bretas, o do duplo auxílio-moradia, aluga imóvel ao Bradesco por R$ 10 mil
POR FERNANDO BRITO · 29/01/2018

(…)

FONTE [LÍMPIDA!]: http://www.tijolaco.com.br/blog/cara-de-pau-do-juiz-bretas-nao-e-dele-e-da-magistratura/#comment-459848

Responder

Denise

29/01/2018 - 16h52

Apenas a a participação do povo pode conseguir a governabilidade! Continuamos com você Zé!!!

Responder

Neiva

29/01/2018 - 16h51

Ridículo. Deca condenado.

Responder

Ananias

29/01/2018 - 16h44

Cadeia em sem lula é fraude. Dirceu, agente do serviço secreto cubano, o mentor do mensalão e petrolão. Hail! Chefe!

Responder

Charles

29/01/2018 - 16h42

Quero saber quando essas vozes vão realmente ecoar pelas ruas.

Responder

milton temer

29/01/2018 - 16h16

Concordo inteiramente com a essência da proposta de mobilização popular do Zé Dirceu, meu caro comandante Fernando Moraes, Só lamento pelo atraso. Tivesse sido feita na primeira eleição de Lula, com o povo vindo de seguidas ocupações da Esplanada do Planalto contra a privataria e o neoliberalismo do mandarinato tucano, não estaríamos vivendo o clima trágico que hoje vivemos. Saludos e Luta que Segue!!

Responder

Tarciso Vargas

29/01/2018 - 13h17

Valeu Comandante Zé Dirceu.

Responder

Deixe uma resposta

Recomendadas