Maradona tem visto negado aos EUA após criticar Trump

Ex-jogador ia aos EUA para atender ao julgamento de sua ex-mulher Claudia Villafañe

Foto: Reprodução/Facebook

O ex-jogador de futebol Diego Maradona teve o visto para os Estados Unidos negado após insultar o presidente Donald Trump. A informação é do jornal El Clarin.

O advogado do argentino disse à publicação que, quando estavam para conseguir o visto, Maradona chamou Trump de “chirolita” durante entrevista à emissora Telesur. A palavra significa uma moeda de pouco valor ou um fantoche.

Maradona ia aos EUA para atender ao julgamento de sua ex-mulher Claudia Villafañe.

2 Comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do NOCAUTE. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

José Eduardo Garcia de Souza

02/02/2018 - 16h54

Deve ter cheirado todas e mais algumas, resolveu bancar o comediante para cima de um doido como Trump e se deu mal. Azar o dele.

Responder

Julio

02/02/2018 - 15h42

Show.
Esse imbeciu precisa respeitar uma autoridade.

Responder

Deixe uma resposta

Recomendadas