Jacob Zuma renuncia à Presidência da
África do Sul

O presidente da África do Sul Jacob Zuma anunciou nesta quarta-feira (14) a sua renúncia ao cargo.

O presidente da África do Sul Jacob Zuma anunciou nesta quarta-feira (14) a sua renúncia ao cargo, em cumprimento às ordens do seu partido, o Congresso Nacional Africano (CNA), que havia dado um ultimato para que ele deixasse o posto.

Zuma comunicou a sua decisão em discurso exibido na televisão pouco antes do fim do prazo.

2 Comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do NOCAUTE. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Regina Maria de Souza

15/02/2018 - 00h00

Mais um dos Brics sofre golpe de estado. A Índia resistirá?

Responder

    José Eduardo Garcia de Souza

    15/02/2018 - 06h01

    Golpe de estado? 1) Ele tem mais de 800 denúncias por corrupção e desídia no exercício do cargo; 2) A rejeição tanto parlamentar quanto da população aos seus métodos, digamos, “pouco ortodoxos” de administração era avassaladora; 3) O ANC continua com maioria no Congresso e fará o próximo presidente.

Deixe uma resposta

Recomendadas