Governo da Venezuela: “Trump se converteu no maior agente de violência no mundo”

Comunicado responde à declaração do Secretário de Estado os EUA, que sugeriu um golpe militar contra Maduro

 

O governo da Venezuela emitiu um comunicado em resposta às declarações de Rex Tillerson, Secretário de Estado dos EUA, que sugeriu um golpe militar contra Nicolás Maduro. “As insensatas ameaças contra Venezuela demonstram, uma vez mais, que o governo de Donald Trump se converteu no maior agente de violência, discriminação e humilhação no mundo”, diz o texto.

Em evento na Universidade de Texas, Tillerson, que foi CEO da petroleira ExxonMobil, disse que na América Latina, “com frequência são os militares que lideram mudanças de regime quando as coisas são tão ruins e a liderança não pode mais servir às pessoas”. A declaração foi dada logo antes do Secretária de Estado dar início a uma viagem pela América Latina.

No comunicado venezuelano, o governo faz um chamado “aos povos livres da América e do mundo para rechaçar energicamente as agressões do governo imperalista de Donald Trump” e diz que “são muitos os países do mundo que já sofreram a longa história de operações encobertas, clandestinas, guerras de propaganda, bloqueios econômicos e intervenções militares diretas do governo dos EUA”.

Um comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do NOCAUTE. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Claudio

03/02/2018 - 19h30

Trump Verme ladrão

Responder

Deixe uma resposta

Recomendadas