Morre, aos 96 anos, o artista plástico Frans Krajcberg

Krajcberg se destacou com um trabalho de esculturas feito com troncos e raízes queimadas, que marcou a sua luta contra a devastação das florestas e em defesa do meio ambiente.

O artista plástico Frans Krajcberg morreu hoje (15) no Hospital Samaritano, em Botafogo, na zona sul do Rio. O escultor, pintor, gravador e fotógrafo, que nasceu, em 1921, em Kozienice, na Polônia, estava internado há um mês para tratar de infecções. Apesar de polonês, Krajcberg se considerava brasileiro. Ele chegou ao país em 1948, poucos anos após perder a família na Segunda Guerra Mundial.

De acordo com as primeiras informações, depois da cremação do corpo, as cinzas serão levadas para o sítio do artista, em Nova Viçosa, na Bahia, onde tinha o seu ateliê e que deverá se transformar em museu. Aqui no Brasil morou também no Paraná, no Rio de Janeiro e em Minas Gerais.

Foto: divulgação

Krajcberg se destacou com um trabalho de esculturas feito com troncos e raízes queimadas, que marcou a sua luta contra a devastação das florestas e em defesa do meio ambiente.

O governador da Bahia, Rui Costa lamentou, por meio das redes sociais, a morte do artista plástico. “Não tenho palavras para definir o que significa a perda para a Bahia e para o mundo. Polonês de coração baiano, nos deixou na manhã de hoje com mais de 90 anos, parte deles dedicada a uma carreira com obras que inspiram vida”, comentou. Rui acrescentou que “seu trabalho sempre foi dedicado à defesa da natureza. Esculpiu, impressionou e sensibilizou a todos. Tudo o que ele construiu continua preservado para esta e para novas gerações. Meus sentimentos a todos os familiares e amigos”.

 

Com informações da Agência Brasil

Nenhum Comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do NOCAUTE. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Deixe uma resposta

Recomendadas