Tribunal Tiradentes julga práticas espúrias do Congresso

Editor do Nocaute, o jornalista e escritor Fernando Morais participará da 4ª edição do Tribunal; estarão no banco dos réus os parlamentares que safaram o Postiço Michel Temer das investigações, aprovaram o fim da CLT e que agora tentam acabar com a aposentadoria.

Assista ao IV Tribunal Tiradentes:

 

Fernando Morais, Editor do Nocaute, no IV Tribunal Tiradentes.

Olá, tudo bem?

Na semana que vem São Paulo vai sediar o IV Tribunal Tiradentes.

Ele existe há mais de trinta anos e foi inspirado no Tribunal Internacional de Crimes de Guerra, criado por Bertrand Russel.

Em sua primeira sessão, em 1983, o Tribunal Tiradentes julgou a Lei de Segurança Nacional e teve como testemunha de acusação o líder sindical Luiz Inácio Lula da Silva.

A segunda sessão, de 1984, julgou o Colégio Eleitoral que elegeu a dobradinha Tancredo/Sarney.

Na terceira sessão, no ano passado, foi julgada a Lei de Anistia.

Neste ano o Tribunal Tiradentes vai julgar as práticas espúrias e danosas ao interesse popular do atual Congresso Nacional.

Desta vez estará no banco dos réus o Congresso que safou o Postiço Michel Temer das investigações, aprovou o fim da CLT, aprovou o trabalho insalubre para mulheres grávidas e que agora tenta passar o fim da aposentadoria para os trabalhadores.

O presidente do Júri do IV Tribunal Tiradentes será o jurista Antonio Carlos Malheiros, Desembargador do Tribunal de Justiça de São Paulo e pró-reitor de Cultura e Relações Comunitárias da PUC.

A mim caberá a honra de fazer a acusação – tarefa nem um pouco complicada, convenhamos. Quem deverá passar aperto será o advogado de defesa, o sociólogo e ex-vereador Chico Whitaker.

Venha não só assistir, mas participar do IV Tribunal Tiradentes. Será nesta segunda-feira, dia 25, às 19 horas, no Tucarena, na PUC de São Paulo.

Quem não puder ir ou não estiver em São Paulo poderá acompanhar a sessão ao vivo pela TVT e pelos blogs Jornalistas Livres e Nocaute.

Até lá.

Nenhum Comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do NOCAUTE. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Deixe uma resposta

Recomendadas