Lista

Uma morte depois, sai a lista do Supremo liberando mais de uma centena de pessoas, com foro privilegiado, para que as tais sejam investigadas. Tomara… Por Pastor Ariovaldo Ramos

 

Por Pastor Ariovaldo Ramos

 

Uma morte depois, sai a lista do Supremo liberando mais de uma centena de pessoas, com foro privilegiado, para que as tais sejam investigadas. Tomara…

O juiz de primeira instância, que já pediu desculpas por vazamentos de grampos ilegais, foi notificado de que o depoimento de delator, que deveria ser sigiloso, estava sendo vazado em tempo real… Pasmem! Em tempo real, por site que tem, como um dos articuladores, um colunista citado por outro delator, por estar a mesa quando uma corrupção estava sendo acertada… Será que estava em busca de alguma exclusividade? E o juiz? Pedirá novas desculpas?

Por falar em desculpas, a nação deve um pedido de desculpas à presidenta. Que tal pedirmos a anulação do impeachment? Esse pedido de desculpas estaria de bom tamanho…

E o presidente do desgoverno, muitas vezes citado, mas, não passível de investigação porque o cargo que ocupa não tem nada ver com o que está sob Judíce, pois, não participou disso depois de se apossar do cargo, embora, até admita ter estado em reunião, hoje, tida como suspeita. Uma pergunta, contudo, não se cala: o fato de só ter podido se apossar do cargo por causa de tudo e de todos sob juízo, não conta?

Nosso luto vem do verbo lutar!

 

Nenhum Comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do NOCAUTE. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Deixe uma resposta

Recomendadas