Fio desencapado: para proteger Michel Temer, site “Pragmatismo Político” adultera declarações de Paulo Sérgio Pinheiro ao Nocaute

Dias atrás o Nocaute postou um vídeo em que o professor Paulo Sérgio Pinheiro analisava a primeira aparição pública de Marcela Temer, mulher do presidente postiço Michel Temer.

14619964_1419481194735813_1579949395_n

 

Dias atrás o Nocaute postou um vídeo em que o professor Paulo Sérgio Pinheiro analisava a primeira aparição pública de Marcela Temer, mulher do presidente postiço Michel Temer. O post bombou e foi compartilhado por vários sites, blogs e internautas. Entre os sites que replicaram o post está o Pragmatismo Político (http://www.pragmatismopolitico.com.br). Só que os pragmáticos (o site não tem expediente nem “quem somos”) decidiram adaptar a fala de Paulo Sérgio Pinheiro e adulteraram o original. Marília-Olho-de-Lince achou pelo menos três fraudes:

 

  • O que foi dito por PSP: “A sagração da esposa do presidente-não-eleito Marcela como Embaixadora para as Crianças é absolutamente grotesca e ridícula.”
  • A tradução do Pragmatismo Político: “A sagração de Marcela Temer, esposa do ex-interino Michel Temer, como Embaixadora para as Crianças é absolutamente grotesca e ridícula.”

 

  • O que foi dito por PSP: “O pior foi que o presidente-não-eleito  anunciou como primeira tarefa…”
  • A tradução do Pragmatismo Político: “O pior foi que Michel Temer anunciou como primeira tarefa…”

 

  • O que foi dito por PSP: “Esta é a situação que nós estamos nessa república bananeira do governo golpista no Brasil”
  • A tradução do Pragmatismo Político: ” Esta é a situação que nós estamos nessa república bananeira do atual governo.”

 

Pragmático esse Pragmatismo Político. Lembra as adulterações de fotos do começo da saudosa União União Soviética, não é mesmo? Quem quiser pode ver com seus próprios olhos:

 

 

O original, postado no Nocaute:

 

Paulo Sérgio Pinheiro: “Sagração de Marcela Temer como Embaixadora para as Crianças é grotesca e ridícula.”

 

 

A versão do site Pragmatismo Político

 

Diplomata avalia como ‘ridícula’ a sagração de Marcela como ‘embaixadora de crianças’

 

2 Comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do NOCAUTE. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Edson de souza britto

26/11/2017 - 10h34

TAMBÉM , MORANDO NUM ESTADO , QUE PODERÁ À VIR SER NAÇÃO , SÓ PODERIA É DAR NISSO MESMO ! KKKKKKKKKKKKKKKKK . OU NUM PAÍS QUE FOI FEITO DE QUEM NÃO PRESTA , ASSIM , COMO OS ÍNDIOS QUE MORAVAM , POR AQUI , UM VERDADEIRO BACANAL ! KKKKKKKKKKK .

Responder

Edson de souza britto

26/11/2017 - 10h32

TAMBÉM , MORANDO NUM ESTADO , QUE PODERÁ À VIR SER NAÇÃO , SÓ PODERIA É DAR NISSO MESMO ! KKKKKKKKKKKKKKKKK .

Responder

Deixe uma resposta

Recomendadas