Desenvolvida a arma letal contra coxinhas: Kalashnikovo, o fuzil que dispara ovo.

Você escolhe se quer atingir seu político predileto com ovos de codorna, galinha, pata ou avestruza. Ou, se preferir, tomates podres ou cactos.

Considerando o alto preço da dúzia de ovos, um grupo de engenheiros (do Kosovo, claro) acaba de desenvolver uma sofisticada arma anticoxinhas. Trata-se do PK-2017 (Pushkë Kallashnikovo, em albanês), o fuzil Kalashnikovo, versão do AK-47 destinada apenas a disparar ovos.

A ideia nasceu quando os técnicos descobriram que o desperdício de ovos em manifestações públicas era enorme, em decorrência da perda provocada pela má pontaria dos atiradores.

Os engenheiros anunciam para breve a produção em série e garantem: com o Pushkë Kallashnikovo, o índice de perda de ovos atirados em políticos é igual a zero.

O PK-2017 estará disponível em quatro bitolas diferentes, à escolha do manifestante: codorna, galinha, pata e avestruz.

Versões customizadas, feitas apenas sob medida, preveem a substituição de ovos por tomates ou cactos.

Veja como funciona:

O vídeo reproduzido pelo Nocaute foi feito por The Dudesons.

3 Comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do NOCAUTE. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

andrade

08/08/2017 - 21h43

Já tem gente protestando porque, potencialmente, um ovo é um pintinho. Sabe-se, tb, que o dep. Marcus Feliciano não gostou. Vai dar confusão.

Responder

    Lord Alfred M.S.

    09/08/2017 - 13h52

    O Feliciano não gosta de quem desperdiça pintos.

Graça Medeiros

08/08/2017 - 18h21

Eu quero!

Responder

Deixe uma resposta

Recomendadas